Garotas Gamers

Vivemos um tempo onde a tecnologia está muito forte e assim se espalhando por todos os lugares do mundo, expansão essa por meio de celulares, televisores, computadores, internet, rádio, etc. Isso facilitou também a divulgação de conteúdo e informação, com tantas fontes existentes hoje é notório que a absorção de conteúdo seja realmente verdadeira, conteúdos estes que podem ser cinema, música, arte, moda, humor, games [STOP] é aqui que vamos ficar…

GAMES

Junto com a tecnologia os games também evoluíram e se desenvolveram com o passar dos anos, e não falo só e apenas dos gráficos não, falo da própria parte física e eletrônica dos aparelhos. Os gráficos existentes hoje são muito melhores se comparados com os de antes, tudo hoje é compostos por gráficos 3d e isso se dá ao avanço de pesquisas para melhorar a parte de hardware(componentes eletrônicos, placas, circuitos integrados) que falamos anteriormente, hoje temos jogos com visuais mais realistas e agradáveis aos olhos. Com isso tudo a tendencia é se tornar mais forte no mercado do entretenimento e se tornar mais acessível para todos.

Novos horizontes 

Com a força que adquiriu com o passar dos tempos o video game começou a ganhar outros públicos além das crianças que jogavam, na sua maioria meninos que ganhavam de seus pais algum console e assim usurfruiam com um irmão ou raramente irmã. Isso, no início dos anos 1990 quando os games ganharam grande força e começaram a ser comercializados de forma espantosa, algumas meninas tentavam se aventurar em joysticks de 2 ou 4 botões, com uma direcional e algum botão de pause, mas logo eram afastadas dos jogos por conta do preconceito que já existia naquela época, meninas brincam com bonecas e meninos com carrinho, bonecos e video games. Mas por que afastavam as meninas dos video games? O conceito era que meninas ‘não teriam capacidade de jogar’ pois os jogos eram difíceis, o que se mostrou ser falso pois hoje temos uma revolução… Girls ‘n’ Games

 

 Girls ‘n’ Games

Tudo começou quando uma certa garota tinha um irmão que possuia um video game, sua curiosidade era tanta que ela resolveu tomar o controle da mão do irmão mais velho e assim começou a jogar frenéticamente sem parar, seu irmão tentou tomar o controle e ela apontou o dedo dizendo “Hoje começa uma revolução e não tente me impedir”. Certo certo, não foi bem assim… no entanto há uma verdade que devemos tomar a frente, a mulher ganha seu espaço em tudo e nos games não é diferente das de mais áreas em que elas se destacam. O interesse delas no começo eram por jogos fofos que geralmente envolviam personagens de algum desenho ou a boneca Barbie, algumas já começavam com o Super Mario ou Sonic e hoje elas jogam Counter Strike, Call of Duty, Gears of War e por aí vai.

Separamos esse espaço no blog para falar justamente das meninas que passam por cima de preconceito e encaram partidas de games de corrida, tiro, MMO, Card games e até fazem páginas na internet dedicadas a um universo que antes era tomado pela maioria masculina, que com o tempo elas ingressaram nele e trouxeram além da feminilidade um ar mais agradável ao universo Nerd ou Geek.

Garotas Geeks

Mostrando que existem sim garotas nerds e provando que realmente entendem do assunto, não fazendo uma maquiagem e interpretando um papel, mas sim vestindo a camisa e sendo quem realmente são. Publicando matérias sobre os mais diversificados assuntos o blog se centraliza em um objetivo, mostrar um conteúdo NERD que seja para todos e que todos possam se interessar, não só para um pequeno grupo ou falando sobre determinadas coisas, como hentai, que meninas não são fãs assim como meninos que visitam sites e bogs com esse conteúdo, e tão pouco ser exclusivo para meninas que entendem do assunto. Composto por:

Bárbara, a Babs. [@babs_ranzinza]

Deborah Cabral, a xuxu. [@Deborahcabral]

Gaby, a Super Maria. [@gabyMEW]

Giovana, a DJ Mamute. [@therealgiovana]

Lívia, a Imperatriz do RPG. [@livia_daniela]

Tamirys, a Popozuda Rock’n Roll. [@tammynhoca

Nós ganhamos conteúdo de primeira qualidade e sempre ficamos muito bem informados com as novidas postadas diariamente no blog delas. Para entender melhor o trabalho dessas moças, saber como começaram, suas opiniões e o que cada uma faz, colocamos abaixo o vídeo de entrevista com elas.

Matérias a respeito

“Levantamento feito em universidade americana ainda mostra que essas meninas possuem melhor conexão com a família e menor grau de depressão.” 

IDG NOW! 

“As garotas que jogavam videogames adequados para sua idade com os pais (principalmente com o pai e não com a mãe) tinham melhor comportamento, se sentiam mais ligadas à família, eram menos agressivas e tinham menos chances de ficar deprimidas. O jogo com os pais foi responsável por 20% da diferença nos resultados, um efeito significativo, dizem os pesquisadores.” 

LOUCURA MENTAL 

FONTES E CITAÇÕES

Blog Garotas Geeks

Fan Page Garotas Geeks 

Twitter Garotas Geeks

IDG NOW! 

Loucura Mental

2 thoughts on “Garotas Gamers

    • Olá cara Babs! Obrigado pelo comentário e fico feliz que tenha gostado do nosso post, é muito importante para nós receber seu reconhecimento, e vocês realmente devem ser lembradas por nos trazerem conteúdos de primeira. #SalveGarotasGeeks

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s